sexta-feira, outubro 15, 2010

Um filme indispensável

Já se falou aqui dos Velhos da Torre, sobre a sua vida e sobre a sua música. Deste casal da aldeia da Torre/Alte, são conhecidas as suas participações na cultura popular rural, sobretudo por via dos seus muitos espetáculos, pelo disco de que são os principais protagonistas («Velhos da Torre e Amigos»), editado pela Câmara de Loulé e coordenado por mim, e por terem influenciado o 1º disco das Moçoilas. Entretanto, eu e o meu amigo Adão Contreiras, metemos mãos (e pés) a um projecto de urgência, de modo a registar em suporte vídeo a sua música tradicional, enquadrada no seu contexto social e económico. De Janeiro a Agosto deste ano, convivemos entre canções, hortas e culturas, com vista a produzir o filme de que agora damos a público os primeiros 'frames'. Na Sociedade dos Gorjões, perto de Santa Bárbara de Nexe, iremos fazer a 1ª apresentação pública do filme "Tudo Vai dar em Cantigas", a que se seguirão outras passagens em circuitos alternativos, a anunciar em breve. Para já, pode contentar-se com o trailer do filme aqui.

Sem comentários: