sexta-feira, março 22, 2013

Sócrates na televisão pública

Há quem ache que o regresso do filho pródigo Sócrates ao comentário político é uma tentativa de reabilitar o partido socialista, numa altura em que as condições objetivas não o favorecem como alternativa política. A petição contrária à entrada do ex-1º ministro na televisão pública, com argumentos de 'empoderamento' do responsável pela crise portuguesa, não percebe uma coisa simples: este regresso só favorece o PSD no poder ao colocar no terreno uma outra face do PS, a da política dos PEC. Parece mesmo uma jogada do ministro Relvas, sempre na sombra, preste na armadilha.

Sem comentários: