segunda-feira, maio 16, 2011

Portagens, um roubo aos contribuintes

A introdução de portagens nas Scut prejudicou os automobilistas, que passaram a pagar o que antes era gratuito, mas foi igualmente ruinosa para o Estado.
Antes, o Estado devia às concessionárias 178 milhões de euros. Agora, a empresa pública Estradas de Portugal ficou comprometida com um dívida superior a 10 mil milhões de euros. Com a renegociação de contratos, para introduzir portagens, as estradas ficaram 58 vezes mais caras.
O problema é que a receita de portagens fica longe dos novos encargos assumidos pelo erário público, com pagamentos por disponibilidade às concessionárias. Ler+.

O movimento contra as portagens no Algarve anda a dizer isto há muito tempo. Agora, a investigação da TVI dá-nos toda a razão e mostra que o estado vai pagar às concessionárias - geridas pela banca e pelas construtoras dos amigos do PS e do PSD - mais de 10 mil milhões de euros. Sabemos para onde vai o dinheiro dos contribuintes, ou não?

Sem comentários: